Transtornos mentais na gravidez e pós-parto

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (WHO), a prevalência de TRANSTORNOS MENTAIS é de aproximadamente 10% em MULHERES DURANTE A GESTAÇÃO e 13% no NO PERÍODO PÓS PARTO, podendo chegar a 25% em países menos desenvolvidos.

Os Transtornos Mentais podem passar despercebidos durante a gravidez, pois muitas vezes os sintomas são confundidos com alterações de humor e ansiedade provenientes de alterações hormonais.

Grande parte das mulheres acometidas acaba não procurando ajuda pois acreditam que o tratamento poderá causar problemas ao bebê.

Contudo, a depressão durante a gravidez tem sido associada a TAXAS MAIORES DE PREMATURIDADE, BAIXO PESO AO NASCER e MAIOR RISCO DE COMPLICAÇÕES, incluindo pré-eclâmpsia e diabetes gestacional. Além disso, crianças expostas à depressão perinatal podem apresentar atrasos de linguagem e do desenvolvimento cognitivo e emocional.

Optar por não buscar tratamento é uma escolha que está longe de ser isenta de risco e pode ter consequências graves tanto para a mãe quanto para o bebê.

Converse com o seu médico!

Rolar para cima
×